Simulação Processos de Fabrico

Actualmente é frequente recorrer-se à simulação numérica de processos de fabrico como forma de apoio ao desenvolvimento de novos produtos ou processos. A finalidade última desta técnica é a de racionalizar processos e, consequentemente, os produtos, numa fase anterior ao início da sua entrada em produção. A colaboração com empresas ligadas principalmente aos sectores dos materiais metálicos e dos materiais compósitos permitiram realizar projectos e adquirir competências nos processos de fabrico nas áreas da fundição, conformação plástica, forjamento e transferência de resinas.

INEGI
Universidade do Porto
CONTACTOS E LOCALIZAÇÃO
Linkedin Facebook Youtube Twitter
© INEGI 2011 | Política de Privacidade | Ver mapa do Site